Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2011

Faça acontecer

Imagem
A vida exige que sejamos pessoas com habilidades de nos relacionar, de compreender e respeitar o limite de cada um. E isso só será possível quando o olhar para a diversidade for uma fonte de relações prazerosas e frutíferas. Dar abertura para novas oportunidades é um aprendizado de receber e reconhecer o outro como ele é. 

30/04/11 - Elaine Chieppe

Campanha

Imagem
O movimento "Essa vaga não é sua nem por um minuto", surgiu de uma iniciativa de mobilização da agencia TheGetz para chamar atenção da sociedade sobre a necessidade de respeito às vagas de estacionamento para pessoas com deficiência.
A idéia ocorreu depois de um incidente de desrespeito a um deficiente em um estacionamento de um supermercado em Curitiba.  O movimento também ganhou um vídeo criado pela agência que está sendo divulgado pelas redes sociais.
A principal desculpa de quem estaciona nas vagas exclusivas para deficientes e idosos é o pouco tempo de permanência no local. Então, a TheGetz colocou cadeiras de rodas nas vagas normais e fez o registro da reação das pessoas em um estacionamento de Curitiba. Além da divulgação nas redes sociais o vídeo pode ser visualizado logo abaixo ou direto do blog do movimento (clique aqui).
Vamos divulgar esse vídeo, uma grande sacada da agência. 

Distrofia muscular

Imagem
Sou distrófica e tenho uma irmã com distrofia também. Muitas pessoas perguntam se somos gêmeas mas não somos. Tanto que o tipo de distrofia dela está mais avançada que a minha e temos uma diferença de idade de dez anos. 
Nascemos normais e com o passar do tempo, na época em que a criança começa a se firmar para começar a dar os primeiros passos é que ficou claro que tinha algo de errado. Não tínhamos força nescessária para ficarmos de pé. 
Como essa nova realidade apareceu primeiro em mim, por ser a mais velha entre os três irmãos, fui a cobaia aqui de casa. Muitas viagens e exames foram realizados na época. Mas foi com a biópsia feita no Hospital Sarah Kubitschek de Brasília que diagnosticou-se o problema. Distrofia Muscular Congênita(clique aí para ler um artigo sobre esse tipo de distrofia). 
E o médico fez um alerta: se minha mãe viesse a ter outra menina, correria o risco de vir do mesmo jeito. Depois de cinco anos nasce meu irmão Eduardo - normal. Dois anos depois chega ao mundo m…

Seu eu em mim

Imagem
Num quarto a meia luz ouço nossa música e me faz lembrar das vezes que nos amamos, que deixamos o orgulho de lado e vivemos momentos intensos, só nossos. Sem palavras para nos medir alcançamos nosso instinto mais nobre. Seu semblante viril ainda permanece em mim.
A lembrança me persegue, procuro me desvencilhar mais ela insiste em caminhar comigo como um fardo que me atormenta. Acordo, e como se saísse de um sonho profundo volto à realidade. E ainda assim não acabou, acho que nem o tempo vai apagar esse sentimento.
Sua alegria me deixa mais leve, me acolhe e nos teus braços me sinto protegida. Você me leva para seu mundo e me torna uma pessoa por inteiro. Seu perfume inebriante me deixa com as faces coradas e me entrego para nossa insanidade.
Então me indago: que mal é esse que me atormenta, me coloca em situações de decisões difíceis de serem tomadas diante das pessoas que quero bem? E me vem a resposta: minha cara, esse mal se chama PAIXÃO mais não me engano, no seu caso ela se mistur…

Bookcrossing ou vamos esquecer um livro

Imagem
Me deparei com essa idéia fantástica e que não conhecia ainda - no blog Jubiart da Bia Jubiart. Propagar conhecimento, cultura é sempre uma atitude saudável e louvável, principalmente no nosso País onde a leitura ainda deixa a desejar. Se informe e participe visitando os Blogs Tantos caminhos ou Luz da luma, yes party. Dia 08/04 participarei e farei um post divulgando o livro que "esquecerei", o local e tudo que acontecerá nessa trajetória. Depois me digam, se aderiram a idéia, qual o livro que esqueceram e o lugar.

Nada é Impossivel - Luo e Chorão (Charlie Brown Jr)

Imagem
"Impossível é uma palavra grande que gente pequena usa pra tentar te oprimir".



Por isso pessoal, vamos acreditar mais, tentar mais, realizar mais, mesmo que no percurso aconteçam erros. Levante a cabeça e lute por aquilo que acreditas. Se alguém falar que você não conseguirá, não dê crédito ao infeliz e siga em frente. Com determinação alcançará seu objetivo. Não se limite nas palavras dos outros. Cuide primeiro de você, do seu eu, não deixe que te arranquem a vontade de viver e ser feliz.