A dança da vida


Vida que pulsa, cansa, descansa; 
Age sob várias circunstâncias, com infinitos sentidos; 
Acontecimentos vem a tona, tomam formas;
Pessoas entram em nossas vidas;
Tudo insiste em passar;
Mas as lembranças permanecem;
sejam inconsequentes, austeras, rudes, amorosas, carinhosas, prazerosas; 
A dança da vida gira em torno dos nossos sentidos;
Onde houver atitudes haverão respostas.


29/04/12 - Elaine Chieppe

Comentários

  1. querida bom mesmo é tê-la de volta ao blog... fiquei feliz com seu retorno
    bjkas

    ResponderExcluir
  2. Nane! Deixa de escrever não, frô! Além de escrever muito bem, você pode contar histórias que as pessoas não conhecem ou sequer se incomodam em saber! Faça história, prima! Beijos.

    ResponderExcluir
  3. Olá Srt Poulain, obrigada!

    Prima, que surpresa boa te ver por aqui e ainda por cima com um comentário

    desses, tão motivador. Abçs!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Ser cadeirante...

Pessoas com deficiência x sexo

Devotees